Portal UauáWeb - Notícias em ação!

segunda-feira, 10 de maio de 2021

“Se não tiver voto impresso é sinal de que não vai ter eleição”, dispara Bolsonaro

 

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) criticou, nesta quinta-feira (6), a fala do ministro Luís Roberto Barroso sobre a implementação do voto impresso no Brasil.

Barroso disse que o método de eleição criaria “o caos” e Bolsonaro rebateu dizendo que, se promulgado, a “eleição de 2022 terá voto impresso e ponto final”.

Durante a tradicional live de quinta-feira, transmitida nas redes sociais, Bolsonaro leu a notícia em que Barroso, atual presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), fala que o voto impresso criaria o “caos”.

“Nós vamos criar o caos em um sistema que funciona muitíssimo bem”, disse Barroso durante entrevista a uma emissora de TV por assinatura nessa quarta-feira (6).

Em resposta, Bolsonaro atacou o ministro do STF e TSE. “Eu acho que ele [Barroso] é o dono do mundo, o Barroso, só pode ser, o homem da verdade absoluta, não pode ser contestado. Ninguém mais aceita o voto que tá aí, como vai dizer que esse voto é preciso, legal, é justo?”.

Com críticas incisivas ao sistema de votação impressa, o presidente afirmou que se em 2022 não houver voto impresso, não haverá eleição.

“Se o Parlamento brasileiro, por maioria qualificada, por 3/5 da Câmara e no Senado, aprovar e promulgar, vai ter voto impresso em 2022 e ponto final. Vou nem falar mais nada, vai ter voto impresso. Porque se não tiver voto impresso é sinal de que não vai ter eleição, acho que o recado tá dado. Não sou dono da verdade, mas eu respeito o Parlamento brasileiro assim como eu respeito o artigo quinto da Constituição”, disse.

Bolsonaro defendeu que, ao ser favorável ao voto impresso, é também favorável à democracia.

“Quem acha que não tem fraude, porque está com medo do voto impresso? Quem quer uma democracia e quer que o voto valha de verdade, tem que ser favorável. Parabéns a Bia Kicis, autora do projeto e ao Arthur Lira. Quem for contra, ou acredita em Papai Noel ou tá do lado do Barroso, ou sabe que pode ter fraude e acha que irá se beneficiar”, afirmou o presidente.

Por Paraíba Master com informações da CNN

domingo, 9 de maio de 2021

HOMENAGEM DA LBV PARA TODAS AS MÃES

 

Mães também precisam de colo

Reconhecidas por acolher seus filhos, as mães também precisam ser acolhidas. A LBV conta como tem apoiado as mães durante a pandemia.  


Nesse mês de maio é comemorado o Dia das Mães, e além de expressar o amor e a gratidão a todas que exercem esse papel fundamental em nossas vidas, é importante refletir sobre as dificuldades que essas mulheres têm enfrentado para desempenhar esse papel em seus lares, principalmente, durante a pandemia. 

 

O ACUMULO DE RESPONSABILIDADES

Ter que lidar com a responsabilidade de “dar conta de tudo” é um grande desafio enfrentado por milhares de mães em todo o mundo, principalmente no Brasil, onde quase metade dos lares são chefiados por mulheres. Em meio a forte crise econômica do país, decorrente da pandemia do novo coronavírus, ter que lidar com a insegurança, sustentar, educar e acolher seus filhos, não é tarefa fácil. Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), 63% dessas famílias são comandadas por mulheres negras, 39% por mulheres brancas, ambas, sem cônjuge e com filhos de até 14 anos, vivem com menos de R$ 420 por mês, ou seja, abaixo da linha da pobreza. E para ajuda-las a enfrentar essa triste realidade, a Legião da Boa Vontade (LBV), desde o início da pandemia, tem oferecido o apoio material com repasse de itens essenciais para suas famílias e o apoio psicossocial tão necessário para ajudar mulheres, mães, gestantes no enfrentamento da Covid-19. 


MEDO DE SEREM FRÁGEIS 

Auxiliadora Cristina dos Santos é mãe e tem recebido todo apoio da instituição. Ela, que trabalhava como baiana de acarajé na praia, devido às restrições da pandemia não está podendo trabalhar e conta sobre o medo, a insegurança de não ter como trazer alimento para casa. 

“Minha filha ficou desempregada, morava de aluguel, ficou sem ter onde morar, tive que ceder um quartinho na minha casa, pra não ver minha filha na rua. Já estava com o armário vazio e a LBV lembrou da gente. Essa cesta, esse material é muito importante. Vocês não sabem o bem que vocês estão fazendo. Às vezes a gente fica em casa com vontade de chorar, e não chora, pra eles não verem a gente chorar”, afirmou a mãe. 


O ACOLHIMENTO DAS MÃES QUE ACOLHEM

Além de receber cestas de alimento e kits de limpeza e higiene, kits pedagógicos, as famílias também recebem o apoio da equipe técnica da LBV, formada por psicólogos, assistentes sociais e educadores que produzem atividades remotas, vídeos aulas, atendimento e Escuta Qualificada, onde o profissional realiza a escuta ativa e participativa, no acolhimento empático das necessidades de cada atendido. 


Através do Serviço Cidadão Bebê, as mulheres recebem o apoio da Instituição durante e após a gestação, além de serem beneficiadas com o enxoval completo para elas e para o bebê. Mulheres e mães cadastradas no Serviço Vivência Solidária, também recebem esse acompanhamento, que vai além do repasse de benefícios, essas mulheres aprendem sobre os diversos temas, como saúde, alimentação, direitos da mulher, desenvolvimento infantil, sobre a importância dos laços de afetividade da mãe com o bebê, valorização das relações familiares, ajudando no enfrentamento de eventuais vulnerabilidades pessoais e sociais, como a descontinuidade dos estudos, a pobreza, a violência, o abandono e o sentimento de incapacidade. 


TODAS AS MULHERES SÃO MÃES

“Os filhos são filhos de todas as mães, e as mães são as mães de todos os filhos", como afirmava o saudoso Fundador da LBV, Alziro Zarur. Por isso a Instituição valoriza todas as mulheres que carregam o amor maternal e cuidam, educam, se dedicam à sobrevivência dos filhos dos outros, e aquelas que assumem corajosamente esse papel, como a Ivonete Nascimento, que é mãe de quatro filhos biológicos, e assumiu o papel de mãe na vida da Brenda Vitória, filha do coração, adotada quando ainda era recém-nascida e recebeu o apoio da LBV na educação da sua filha. 


“Quando cheguei aqui, sentei com a Assistente Social, contei minha história e achei apoio na LBV. A equipe aqui tem me ajudado muito, minha filha entrou aqui com quase 7 anos e hoje vai fazer 12. Do que ela era, hoje ela melhorou 90%. Por isso, vocês mães, não desistam dos seus filhos, procurem a ajuda pra quem pode ajudar. A LBV ajuda muito. É uma grande mãe que ajuda os nossos filhos”, afirmou Dona Ivonete. 


A LBV nesse mês de maio, mês das mães, celebra 65 anos de atendimento às famílias mais vulneráveis na capital baiana e agradece a todos os amigos colaboradores, parceiros, voluntários que fazem parte dessa Corrente de Solidariedade que leva atenção, carinho e esperança aos soteropolitanos. 


Faça parte dessa família de Boa Vontade e ajude a LBV ajudar quem precisa. A meta é entregar 85 mil cestas de alimentos; 242 mil litros de leite; 91 mil kits de higiene e de limpeza; nas cinco regiões do país, até agosto, além de continuar com todo atendimento em suas 82 unidades socioeducacionais.


SAIBA COMO AJUDAR:

Acesse www.lbv.org.br e colabore. Selecione a opção que desejar e, de coração, doe qualquer valor. Se preferir, faça uma transferência bancária pelo PIX oficial da LBV: pix@lbv.org.br.

Confira essas e outras ações realizadas pela LBV no endereço @lbvbrasil no Facebook, no Instagram e no YouTube.

Uauá registrou, no dia (07) de maio, o 36º óbito por Coronavírus

                                                                        Foto reprodução/UauáWeb

O município de Uauá registrou, no dia (07) de maio, mais uma morte por Covid-19 contabilizando a trigésima sexta morte por Coronavírus. A prefeitura do município confirmou a informação através de boletim epidemiológico em sua página oficial do Facebook. A vítima era uma senhora de prenome Maria Arlete Peixinho que faleceu, no dia (03) de maio, porém por motivos de protocolos a serem seguidos só foi contabilizado no dia (07/05).

Por motivos de força maior não iremos por as fotos de quem se trata, em respeito aos familiares. Infelizmente mais uma triste notícia vinda da Capital do Bode.

 Uauá agora contabiliza; 2.130 casos confirmados de Covid-19, sendo que 2.062 já obtiveram a cura clínica, 32 ainda estão ativos, os suspeitos são 68 e 36 óbitos.



REDAÇÃO: WWW.UAUAWEB.COM.BR

sábado, 8 de maio de 2021

Vacinação contra a Covid-19 em Uauá continuará hoje sábado (08), dessa vez com pessoas portadoras de diabetes

 
Foto: reprodução/Secretária de Saúde de Uauá

Uauá dará continuidade, hoje sábado (08), a vacinação contra o Coronavírus dessa vez serão vacinados pessoas portadoras de diabetes. O município recebeu nas últimas semanas, mais doses da Oxford/AstraZeneca, é mais uma remessa desse tipo de vacina recebida pelo município. Uauá em outras oportunidades também já recebeu doses da vacina da Coronavac/Butantan. 

A secretaria de saúde informou que a vacinação ocorre de acordo com o cronograma do Ministério da Saúde, ou seja, os demais grupos devem aguardar o anúncio da vacinação, uma vez que depende do envio das doses.




REDAÇÃO: WWW.UAUAWEB.COM.BR

sexta-feira, 7 de maio de 2021

Pela 2º vez no ano Boletim Epidemiológico da Covid-19 de Uauá, consta (0) ZERO em novos casos

 
Foto: reprodução/ Secretaria de Saúde de Uauá

De acordo com o Boletim Epidemiológico de ontem quinta-feira (06), nenhum caso foi registrado no município de Uauá, é a 2º vez neste ano que esse fato acorre, a última vez foi em em, 14 de abril de 2021. É notório observar que os casos ativos do município está em instabilidade com tendência a queda. Ontem tivemos 0 casos confirmados, 0 curados e felizmente 0 óbitos.

 Porém, o Secretário de Saúde de Uauá Jorge Lobo alerta que este não é o fim da pandemia. É necessário manter o isolamento social, usar a máscara e higienizar as mãos. 

. A Secretaria Municipal de Saúde informa que está seguindo todas as orientações para o enfrentamento do coronavírus. Dessa forma, a Prefeitura segue trabalhando dentro do Plano de Ação contra a doença, com profissionais treinados e atuantes em vigilância preventiva. Qualquer denúncia de aglomeração ou descumprimento do Decreto Municipal pode ser feita através do número: 99998.0063. Abaixo acompanhe o Boletim de ontem (06).



REDAÇÃO: WWW.UAUAWEB.COM.BR

Vacinação contra a Covid-19 em Uauá continuará hoje sexta-feira (07), dessa vez com os trabalhadores da educação

 
Foto: reprodução/Secretária de Saúde de Uauá

Uauá deu continuidade, hoje sexta-feira (07), a vacinação contra o Coronavírus dessa vez serão vacinados os trabalhadores da educação que tenham 50 anos ou mais. O município recebeu nas últimas semanas, mais doses da Oxford/AstraZeneca, é mais uma remessa desse tipo de vacina recebida pelo município. Uauá em outras oportunidades também já recebeu doses da vacina da Coronavac/Butantan. 

A secretaria de saúde informou que a vacinação ocorre de acordo com o cronograma do Ministério da Saúde, ou seja, os demais grupos devem aguardar o anúncio da vacinação, uma vez que depende do envio das doses.



REDAÇÃO: WWW.UAUAWEB.COM.BR

INSERT DIGITAL

PRÓ-SAÚDE - CLÍNICA MÉDICA EM UAUÁ

Grupo Santa Bárbara

POYNTNET - Provedor de Qualidade

PAX UAUÁ