Portal UauáWeb - Notícias em ação!

sexta-feira, 16 de novembro de 2018

Após briga de trânsito em Petrolina o cantor Lenno é preso acusado de agredir uma advogada

De acordo com informações apuradas pelo PNB, no início da noite de ontem (15), em frente a um clube, em Petrolina, uma briga de trânsito envolvendo o sertanejo, Lenno, ex cantor da banda Desejo de Menina e uma  advogada juazeirense, de 26 anos, acabou na delegacia de polícia da cidade. Lenno teria batido no carro da advogada, o que motivou a discussão.
Uma cena de agressão foi gravada em um vídeo enviado ao PNB. Nas imagens, após o cantor perguntar a mulher se ela iria bater nele, recebe como resposta que “Eu não me troco com malandro não”, ao que Lenno reage com um tapa.
O vídeo não mostra quem ou se alguém foi atingido com o tapa. Os policiais de trânsito da Ampla e do BIESP- Batalhão Integrado Especializado, chegaram no momento da confusão e prenderam o cantor, após levá-lo ao chão e o algemarem.
A mulher fez exame de Corpo de Delito e segundo o laudo, “no momento do exame, a periciada não apresentava sinais externos compatíveis com lesão corporal”, concluindo que “lesões corporais, se existiram, não deixaram vestígios.
Nós procuramos a produção do cantor sertanejo, que confirmou o fato e disse que iria aguardar o resultado da perícia para se manifestar sobre o caso.  Até o início da tarde de hoje, Lenno estava no Fórum da cidade de Petrolina, aguardando para ser liberado.
Nossa equipe também tentou entrar em contato com a advogada,, mas até o momento não obtivemos resposta.

Com informações: Preto no Branco
FONTE: https://valecomentar.com/2018/11/16/apos-briga-de-transito-em-petrolina-o-cantor-lenno-e-preso-acusado-de-agredir-uma-advogada/ 

0 comentários:

Postar um comentário

ATENÇÃO: Os comentários escritos abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso Portal. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

INSERT DIGITAL

PRÓ-SAÚDE - CLÍNICA MÉDICA EM UAUÁ

Grupo Santa Bárbara

POYNTNET - Provedor de Qualidade

PAX UAUÁ