sábado, 24 de novembro de 2018

Prefeitura de Uauá embarga reforma da Câmara de Vereadores

Foto: reprodução/internet

À Prefeitura de Uauá no exercício do mandato do prefeito Lindomar Dantas (PCdoB) embargou a reforma do prédio da Câmara de Vereadores, de acordo com à Lei municipal - Código de Obras e Edificações nº 345/2007.  Embora a quebra da antiga estrutura esteja normatizada segundo o presidente da casa Rodrigo de Zé Mário (PTB), foi alegada para a interdição pela secretaria de obras do município um referido "documento". O referido embargo acorreu na última sexta-feira (23).
A reforma deveria  ser concluída em dezembro de 2018. Segundo o presidente da Casa Legislativa, Rodrigo: "a intenção da reforma era justamente otimizar o espaço, dar mais conforto aos servidores, além de deixar a casa mais dinâmica e eficiente”.

POLÊMICA INSTALADA:
A intervenção tem sido alvo de questionamentos e polêmicas por parte da população uauaense, pois se o legislativo não utilizar todo o duodécimo até o dia 31 de dezembro deste ano, terá que devolver aos cofres do executivo, todo o recurso destinado à reforma da Câmara de Vereadores.

Ai vem a pergunta: 
Nesta quebra de braço entre Legislativo e Executivo, quem é o prejudicado da história toda ? 

Veja abaixo, como ficaria a câmara de vereadores após a reforma concluída:

Redação: www.uauaweb.com.br

Um comentário:

  1. A câmara de vereadores ficaria linda e a cidade F... Sem saneamento, muitas ruas sem calçamento e por aí vai. Nao valem nada, nem executivo e nem legislativo.

    ResponderExcluir

ATENÇÃO: Os comentários escritos abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso Portal. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.

INSERT DIGITAL

PRÓ-SAÚDE - CLÍNICA MÉDICA EM UAUÁ

Grupo Santa Bárbara

POYNTNET - Provedor de Qualidade

PAX UAUÁ